Preparamos um material mostrando como prestadoras de serviços de comunicação visual e projetos de ambientação podem “pecar” e gerar situações constrangedoras quando não são escolhidos com cuidado. Confira!